Arquivos do Blog

Top X – Os 15 Melhores Jogadores do Mundo (2017/1)

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Analisar um jogador pelo que ele fez durante um ano inteiro é bem complicado. Durante uma temporada ele pode viver altos e baixos, o que é absolutamente normal para qualquer atleta. Contudo, é também inviável analisar somente pelo que ele fez na última semana, já que certa regularidade é preciso para comprovar seu nível de atuação. Ainda assim, não podemos ignorar completamente a carreira do jogador e tudo que já o vimos construir. Optamos, então, por montar a lista baseado principalmente no desempenho semestral dos jogadores, sem ignorar a carreira que o mesmo já possui. Após a lista dos melhores jogadores do mundo no segundo semestre de 2015 e a lista dos melhores jogadores do mundo no primeiro e do segundo semestre de 2016, atualizamos nossa seleção. Sem mais delongas segue a lista com os melhores jogadores do mundo no primeiro semestre de 2017!

15 – Harry Kane

Tottenham Hotspur v Middlesbrough - Premier League

Harry Kane vem subindo de nível de forma assustadora. Artilheiro isolado da Premier League 2016-17 com a expressiva marca de 29 gols, o atacante foi o principal jogador do Tottenham, vice-campeão inglês. Kane alia força, mobilidade, ótimo posicionamento e uma incrível capacidade de finalização, o que faz dele um atacante completo e pronto para continuar sua ascendência rumo ao posto dos melhores do mundo.

14 – Sérgio Ramos

sergio-ramos

Sérgio Ramos é o zagueiro mais decisivo do mundo, isso é inegável. Embora seja um cara que jogue sujo, em muitas vezes, não há como negar sua importância para o Real Madrid e sua imposição como um dos atletas mais vencedores do mundo. Líder e mortal, o zagueiro espanhol nega maiores apresentações. Décimo quarto lugar para ele.

13 – Eden Hazard

EdenHazard

Hazard foi, juntamente com Kanté, os dois nomes maiores de um Chelsea campeão. Liderando o campeonato de ponta a ponta, o time de Antonio Conte teve no belga seu principal construtor de jogadas e segundo maior artilheiro com 15 gols. Hazard voltou a atuar em seu melhor nível e isto, por si só, já o credencia a um dos melhores jogadores do mundo.

12 – Zlatan Ibrahimovic

zlatan-united

Após terminar a temporada passada mais uma vez de forma brilhante, Zlatan Ibrahimovic foi para o Manchester United. O sueco, após se tornar o maior artilheiro da história do PSG e ser o artilheiro do time no Campeonato Francês, foi bem em sua jornada na terra da Rainha, sendo o principal jogador de um Manchester United que, embora tenha ficado na sexta posição da Premier League, conseguiu dois títulos na temporada (Europa League e Copa da Liga Inglesa). Ibra, com 35 anos, sofreu um pouco mais com lesões na temporada. Também é claro que ele vive ligeiro declínio técnico, mas, ainda assim, consegue se impor e ser um dos melhores jogadores do mundo. O “cara que só faz golaço” segue firme como um dos maiores da atualidade no futebol.

11 – Toni Kroos

ToniKroos

Toni Kroos e Luka Modric formam, junto com Casemiro uma trinca de meio campo absolutamente perfeita. O coração do Real Madrid, um time capaz de fazer gols por absurdos 65 jogos consecutivos, merece um destaque especial. Kroos marca, arma, carrega a bola, faz lançamentos, cadencia, dribla e finaliza, todos esses quesitos num nível de excelência. Reunindo todas as qualidades de um meia completo, o melhor jogador alemão em atividade fica com a décima primeira posição.

10 – Luka Modric

LukaModric

Luka Modric vive o auge da carreira. O croata faz, com Toni Kroos e Casemiro, um meio de campo perfeito. Não é só porque o Real Madrid tem Cristiano Ronaldo que o time faz gols por espantosos 65 jogos consecutivos, mas também por ter em seus meias uma qualidade incomparável de jogo. Nisso, Modric se destaca como um meio campista completo, com incrível capacidade de organizar o jogo, conduzir a bola, passar, marcar, chutar, driblar, cadenciar, lançar. Tudo no mais refinado grau técnico. O croata merece um Top 10.

09 – Andrés Iniesta

Andres-Iniesta

“Andrés Iniesta é gênio. Ele é diferente quando pega na bola.”. Muitos jogadores que enfrentaram o meia do Barcelona já disseram coisas semelhantes sobre ele. De fato, a carreira e tudo que já o vimos fazer já o credencia a estar entre os melhores. Visão de jogo incomparável, controle de bola muito acima do comum, passes e dribles precisos por si só, fazem de Iniesta um dos maiores da atualidade. Apesar de viver ligeiro declínio técnico devido o avançar da idade (33 anos), Iniesta ainda é muito diferenciado e poucos conseguem ser melhores do que ele.

08 – Philipe Coutinho

coutinho

Phillipe Coutinho segue sua ascensão na carreira de forma meteórica! Desde que chegou ao Liverpool, o brasileiro foi melhorando cada vez mais seu futebol. Dono de um dos chutes mais precisos de longas distâncias, além de veloz, driblador e com boa visão de jogo, o astro do Liverpool se tornou um meia-atacante completo. Notabilizou-se por seus golaços “ao melhor estilo Coutinho”, com carregadas de bola da meia esquerda para o centro e disparos certeiros de longas distâncias. Mais do que astro no Liverpool, o crescimento de Coutinho o tornou nessa temporada um pilar na Seleção Brasileira e um dos destaques da Premier League 2016-17. Oitavo lugar para o brasileiro!

07 – Pierre Emerick Aubameyang

Pierre-Emerick-Aubameyang

Aubameyang é o principal jogador do Borussia Dortmund já há três temporadas. Extremamente veloz, inteligente e decisivo, o gabonês se tornou unanimidade como um astro da Bundesliga e do futebol mundial! Com bom poder de finalização tanto com os pés como com a cabeça, bom posicionamento e ótima movimentação, atuando muito bem também longe do gol, Auba é um dos nomes mais importantes do futebol mundial na atualidade. Foi artilheiro da Bundesliga com uma expressiva marca de 31 gols. Segue como o sétimo melhor jogador do mundo.

06 – Robert Lewandowski

robert_lewandowski_original

Robert Lewandowski terminou a temporada de 2016 com números avassaladores! O atacante polonês marcou 56 gols, divididos em atuações pelo Bayern de Munique e pela seleção polonesa. Lewandowski foi vice artilheiro da Bundesliga 2016-17 com 30 gols e o principal jogador do Bayern de Munique no quinto título consecutivo do clube. Consolidado como principal jogador do Bayern de Munique, o polonês segue firme para buscar voos ainda maiores. Sexto lugar para o artilheiro polaco.

05 – Antoine Griezmann

Deportivo Alaves v Club Atletico de Madrid - La Liga

Diego Simeone chegou a afirmar que se Griezmann continuasse no Atlético de Madrid e mantivesse a curva ascendente que demonstrava, estaria em pouco tempo brigando de igual para igual com Messi e Cristiano Ronaldo. As previsões de El Cholo se confirmaram e o atacante francês foi o principal eleito o craque do Campeonato Espanhol 2015-16. Na UEFA Euro 2016 foi eleito o melhor jogador do torneio, sendo também artilheiro e principal nome do vice-campeonato da seleção francesa. Estabelecido como um astro do futebol mundial, o francês ficou em terceiro lugar na disputa pela Bola de Ouro e também entre os três melhores do ano pela FIFA. Oscilou depois, com uma queda de rendimento na segunda metade de 2016, mas retomou boa fase nesse semestre e foi o principal jogador de um Atlético de Madrid que mais uma vez foi semifinalista europeu. Segue intocável como principal jogador francês da atualidade e um dos melhores do mundo.

04 – Luís Suárez

Luís-Suárez

Luís Alberto Suárez Díaz, chamado de “El Pistoleiro” ou também de “Luisito” é o principal jogador uruguaio da atualidade, sendo o maior artilheiro da Celeste Olímpica de todos os tempos. Suárez, após ser brilhante na última temporada, onde foi um expoente tão grande quanto o próprio Messi no tridente do Barcelona, continuou com números excelentes nessa última temporada. Foi vice artilheiro do Campeonato Espanhol, com 28 gols, além de contribuir como um importante assistente do time. Pensou em gol, pensou em Luís Suárez. Segue como um dos mais notáveis jogadores do mundo!

03 – Neymar Júnior

neymar-brasil-argentina-2016

Depois de viver uma temporada 2014-15 mágica, Neymar oscilou bastante tanto pelo Barcelona como pela Seleção Brasileira. Contudo, o astro do Brasil voltou a subir de nível e teve em março o seu melhor mês, sendo naquele mês o melhor jogador do mundo. Oscilou um pouquinho, mas suas atuações já o credenciaram a voltar ao pódio. Veremos como continuará a carreira do brasileiro.

02 – Lionel Messi

lionel-messi-sevilla-barcelona-laliga-06112016_1d1wu95d62alx1ai4xwymyrxoj

Lionel Messi teve uma temporada com número individuais avassaladores. Foi artilheiro de La Liga 2016-17 com incríveis 37 gols, a maior quantidade entre todas as ligas europeias. Sua capacidade de enxergar o jogo coletivo, criar jogadas improváveis, driblar, destruir defesas, fazer arrancadas espetaculares e finalizar com eficiência inigualável o tornam um jogador inigualável. Contudo, nessa temporada, apesar do brilho individual e dos números assombrosos, o gênio argentino não conseguiu ser decisivo nos momentos mais agudos, exatamente o oposto de seu rival, Cristiano Ronaldo. Conquistou a Copa do Rei, com atuação brilhante na final, mas foi pouco. Principalmente comparado ao que Cristiano fez. Segundo lugar para La Pulga.

01 – Cristiano Ronaldo

Cristiano-Ronaldo

“A Máquina de Fazer Gols”, é assim que muitos se referem a Cristiano Ronaldo. CR7 é considerado para muitos o maior atleta da atualidade, e se pensarmos em atributos físicos, eles estão totalmente certos. Cristiano Ronaldo detém grande porte físico, alia força, velocidade, impulsão, posicionamento e finalizações num conjunto quase perfeito. Exímio atleta e destruidor de recordes, o português vinha de temporada com números discretos, principalmente quando comparados aos que ele tivera nos anos anteriores. Porém nos momentos decisivos, CR7 assombrou o mundo! Cristiano fez absurdos 10 gols nos últimos 5 jogos da Champions League, marcando 5 gols contra o Bayern, um triplete contra o rival Atlético de Madrid e dois na final, contra a Juventus. Credenciais mais que suficientes, juntamente com os títulos de campeão espanhol e europeu para lhe garantir o posto de melhor jogador do mundo. Quem poderá superar a máquina?

X – Menção honrosa

Quero deixar uma menção honrosa a dois jogadores que foram eleitos os melhores de suas respectivas ligas e merecem uma citação: N’Golo Kanté, do Chelsea e Edinson Cavani, do Paris Saint-Germain.

Cavadinha – A Premier League voltou!

A Premier League, ou Campeonato Inglês de Futebol, principal liga de clubes do mundo, está de volta! Como se já não fosse o suficiente para prender a atenção do mundo inteiro, a edição desse ano vem com temperos especiais já que pela primeira vez tem um Leicester defendendo o título, soma-se a isso a contratação de Pep Guardiola, debutante na liga pelo Manchester City e nome mais badalado entre todos os treinadores do mundo. Já ficou bom? Tem mais: José Mourinho no United e a velha rivalidade “Mourinho vs Guardiola” na cidade de Manchester, o sempre carismático e surpreendente Jürgen Klopp agora com um tempo maior de casa e com grandes expectativas para o Liverpool, o sempre ótimo Antonio Conte assumindo o Chelsea e o experiente e imprescindível Arsene Wenger no Arsenal.

premierleague

Ufa! Motivos já suficiente para tornar essa edição especial certo? Sim, porém há muito mais! O Tottenham vem forte novamente, manteve o time e agora mais experiente pode chegar de novo. O Manchester United destruiu na janela de transferência e trouxe três nomes de muito peso: Henrikh Mkhitaryan (eleito melhor jogador da última Bundesliga) , Zlatan Ibrahimovic (esse dispensa comentários) e Paul Pogba (contratação mais cara da história do futebol). O Manchester City trouxe Gundogan e Nolito para o meio-campo e apostou em jovens muito promissores como Gabriel Jesus e Leroy Sané, com Guardiola eles tendem a explodir. O Liverpool também foi ao mercado e com o acréscimo de Sadio Mané e Giorgino Wijnaldum tende a se tornar muito forte. Arsenal e Chelsea, com Granit Xhaka e N’Golo Kanté, além de outras contratações também melhoraram o meio de campo e o time como um todo. Soma-se tudo isso aos outros times que, com o dinheiro da Premier League, sempre veem em alto nível de competição, podemos certamente esperar o Campeonato Inglês mais disputado, badalado e carismático dos últimos anos.

A BBC sabe muito bem do tamanho desta Premier League e para aproveitar o embalo fez um vídeo-montagem hilário com alguns dos principais personagens dessa edição. Confiram neste link.

 

Abre o Jogo – Davi, Wendell Lira e o Leicester City

A maior surpresa do momento no futebol mundial é o Leicester City Football Club. De quase rebaixado na última temporada e principal candidato ao rebaixamento na atual, o Leicester é líder isolado da badalada Premier League e, a cada rodada, a equipe se aproxima cada vez mais do título inglês e da entrada definitiva para a história. Mas afinal, qual é o tamanho do feito dos “Foxes”?

Leicester-Okazaki-Vardy-Mahrez

Shinji Okazaki, Jamie Vardy e Riyad Mahrez: o trio de ataque do Leicester.

O Leicester é um time pequeno da Inglaterra, mais um dos tantos que tem como realidade a alternância entre a primeira e segunda divisão ao longo da história. Um número que ilustra bem isso é o tempo do time na segunda divisão nos últimos anos. Para ser mais preciso o Leicester passou 10 anos na segunda divisão, entre as temporadas de 2003-04 e 2013-14. Sagrou-se campeão da Championship em 2013-14 e retornou a Premier League desde então. No ano seguinte uma arrancada histórica nas últimas rodadas e a fuga do rebaixamento praticamente certeiro. Começou a temporada 2015-16 como o mais desacredito time da primeira divisão. Contudo, um milagre aconteceu, ou melhor, acontece diante de nossos olhos.

A história do Leicester lembra outra que ocorreu também este ano: a história de Wendell Lira. Quando Wendell foi indicado ao prêmio Puskas de gol mais bonito do ano, pouquíssimos acreditaram que ele poderia chegar à final. Ele chegou, e mais do que isso, venceu a disputa contra ninguém menos que o “gigantesco” Lionel Messi, melhor jogador de futebol do mundo. O rapaz que chegou a ficar desempregado, vendendo salgados junto da própria mãe, ganhava o prêmio de gol mais bonito do ano jogando pelo Goianésia, no Campeonato Goiano. História daquelas que só o futebol pode proporcionar.

wendell-lira-premio-puskas

Wendell Lira discursa após receber o Prêmio Puskas.

Ao receber o prêmio, Wendell discursou da seguinte maneira: “Queria, primeiramente, agradecer a Deus por este momento único na minha vida. Poder estar aqui conhecendo grandes jogadores que são meus ídolos, que eu conhecia só de videogame e hoje estou aqui conhecendo pessoalmente. Queria agradecer muito à minha família, à nação brasileira que votou em mim, à minha esposa e minha filha, que são tudo para mim. Minha filha Marcela está em casa esta hora. Queria deixar uma passagem bíblica. Quando Golias apareceu, todo mundo olhava para ele e falava: ‘ele é muito forte. Ele é muito grande, não tem como ganhar dele’. E Davi, quando olhou para Golias, disse: ‘ele é muito grande, não tem como errar’. E assim temos de lidar com nossos problemas diários na nossa vida. Assim, agradeço a todos. Muito obrigado.”.

O brilhante discurso de Wendell Lira ilustra sua própria jornada, nos faz lembrar de outras histórias e sintetiza muito do que acontece com o Leicester. Afinal, quem imaginaria que o pequenino time azul poderia vencer os gigantes e endinheirados clubes do Campeonato Inglês? Quem imaginaria um roteiro tão épico quanto esse que escreve o Leicester na história do futebol? Não é pra menos que a história dos “Foxes” é chamada de “conto de fadas”. Poderia ser também um épico bíblico, digno de um Davi e Golias.

claudio-ranieri-leicester-city

Claudio Ranieri é o comandante do Leicester. Curioso é que o técnico colecionava fracassos e ressurgiu com o milagre dos “Foxes”.

O fato é que o feito do Leicester é a epopeia do futebol atual e uma das incríveis histórias que o esporte pode tornar realidade. Mais do que isso, torna-se juntamente com a história de Wendell Lira, e também a história de Davi e Golias, um exemplo admirável para a vida. Para nós, pessoas buscando sonhos e enfrentando problemas diários, uma lição de vida para aprendermos a não desistir jamais de lutar e confiar sempre na vitória, não importando o tamanho da dificuldade enfrentada.

Aqueles que, excetuando torcedores do Tottenham e do Arsenal, torcem contra o Leicester, pensem melhor. A vitória do pequeno time inglês será um épico que jamais se perderá, que será gravado para sempre na memória das pessoas e, sobretudo, mostrará mais uma incrível história de superação e de certeza que sonhos podem se tornar realidade, basta acreditar e lutar por eles. Que vença o Leicester pelo bem do futebol, do esporte, dos nossos sonhos e da vida.