Arquivos do Blog

Top X – Os 15 Melhores Jogadores Jovens do Mundo 2.0 (Sub-20)

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Quais são os melhores jogadores jovens do mundo? Quais vocês apostariam como sendo os mais promissores? Depois da nossa última lista, onde reunimos os melhores jogadores do mundo com até 20 anos de idade, resolvemos atualizar com os talentos nascidos a partir de 1997. Vale lembrar que para elaborar a lista tivemos como principal critério o nível atual do jogador, independente da idade. Não consideramos quem tem mais potencial, até porque não dá para saber se todos vingarão da forma como imaginamos.

Sem mais delongas, segue a lista dos 15 melhores jogadores jovens do mundo.

15 – Guilherme Arana (14/04/1997)

guilhermearana

Nascido em 14 de abril de 1997, Guilherme Antônio Arana Lopes sempre foi visto como uma joia de altíssimo valor dentro do Corinthians. O lateral, que já se destacara no ano passado mesmo não sendo titular, tornou-se hoje peça fundamental do Corinthians. Já observado por diversos clubes europeus, o jovem alia bom passes, movimentação, cruzamentos, dribles, infiltrações e inteligência incomuns para um jogador tão jovem. Tem enorme potencial para seguir crescendo na carreira.

14 – Rodrigo Bentancur (25/06/1997)

rodrigobentancur

Nascido em 25 de junho de 1997. Rodrigo Bentancur é um jovem valor uruguaio que se destacou no Boca Juniors. Dono de grande visão de jogo, inteligência e excelente poder de marcação, o volante se transferiu para a Juventus, que prontamente se atentou para a promessa uruguaia.

13 – Thiago Maia (23/03/1997)

ThiagoMaia

Nascido em 23 de março de 1997. Thiago Maia é mais uma das grandes revelações do Santos. Subiu ainda jovem ao profissional, e tão logo conquistou a titularidade na equipe santista. O volante alia um grande qualidade no passe, muita eficiência no apoio ao ataque, ótimo chute de média distância e uma grande maturidade tática. Foi campeão olímpico em 2016.

12 – Youri Tielemans (07/05/1997)

YouriTielemans

Nascido em 07 de maio de 1997, Youri Tielemans é um jovem valor belga que se destacou no Anderlecht e já foi convocado para a seleção belga. Foi contratado pelo Mônaco e é tratado com muito carinho por sua grande capacidade de passe e distribuição de jogo.

11 – Kasper Dolberg (06/10/1997)

kasper-dolberg

Nascido em 06 de outubro de 1997, Kasper Dolber é um atacante dinamarquês que se destaca no Ajax como um dos artilheiros do time holandês. Com 1,87m mas com boa mobilidade e ótimo posicionamento e poder de definição, o jovem foi titular do time que chegou ao vice-campeonato da Europa League e um dos destaques do time. Fez 16 gols na Eredivisie 2016-17.

10 – Breel Embolo (14/02/1997)

Romania v Switzerland - Group A: UEFA Euro 2016

Nascido em 14 de fevereiro de 1997, Breel Embolo é um jovem valor suíço que atua como atacante. O jogador foi titular da seleção suíça na última Eurocopa e teve bom papel. Revelado e destaque do Basel, foi para o Schalke 04 nessa temporada, oscilando um pouco, juntamente com o time. Contudo, tem futebol para se firmar como um jogador de grande destaque no futebol mundial.

09 – Ruben Neves (13/03/1997)

RubenNeves

Nascido em 13 de março de 1997, Ruben Neves é um volante português que joga no Porto. Tratado como um grande valor para o futuro da seleção portuguesa, o jovem já tem convocações e jogos pela seleção portuguesa. Foi o mais jovem jogador a ser capitão do Porto numa partida de Champions League, algo que aconteceu num jogo contra o Maccabi Tel Aviv. Alia grande inteligência tática, posicionamento, bom passe e saída de jogo.

08 – Christian Pulisic (18/09/1998)

Christian Pulisic

Nascido em 18 de setembro de 1998, Christian Pulisic é um jovem e promissor jogador americano. Revelado pelo Borussia Dortmund, se tornou o jogador mais jovem a fazer um gol na história da Bundesliga e é visto com um talento muito valioso, tanto na Alemanha quanto nos Estados Unidos, tendo inclusive, já atuado como titular e camisa 10 de sua seleção. Insinuante, Pulisic alia velocidade, dribles e ótima disposição tática.

07 – Emre Mor (24/07/1997)

EmreMor

Emre Mor, nascido em 04 de julho de 1997, é um atacante turco apontado em seu país como o maior valor para o futuro de sua seleção. Atualmente no Borussia Dortmund, Mor é canhoto, tem grande capacidade de drible, velocidade e técnica, incisivo, com bom passe e muita movimentação é um valor de grande expectativa no futebol.

06 – Renato Sanches (18/08/1997)

Renato Sanches

Nascido em 18 de agosto de 1997, Renato Sanches é o mais promissor jogador português desde Cristiano Ronaldo. Já campeão da Europa como titular por Portugal, além de campeão português pelo Benfica, o meia tem como característica muito dinamismo, bom passe, um ótimo chute de média distância e uma grande capacidade de marcar e armar o jogo.

05 – Gianluigi Donnarumma (25/02/1999)

AC Milan v US Sassuolo Calcio - Serie A

Nascido em 25 de fevereiro de 1999, Gianluigi Donarunma é o goleiro mais jovem a atuar no profissional da história do Milan, um recorde de estreia com incríveis 16 anos e 8 meses! Donarunma é titular no gol rossonero desde então, barrando nomes de pesos como os veteranos Diego López e Christian Abbiati. Lugar merecido na lista por ser goleiro titular de um time do peso do Milan e ainda barrar uma forte concorrência.

04 – Marcus Rashford (31/10/1997)

MarcusRashford

Nascido em 31 de outubro de 1997, Marcus Rashford é um fenômeno do Manchester United. O garoto estrou no profissional marcando 2 gols jogo contra o Midtjylland, pela Europa League, salvando o time da desclassificação. Na estreia pela Premier League, fez mais 2 gols, num clássico contra o Arsenal, confirmando sua estrela. Desde então vem se firmando cada vez mais como um atacante de destaque do United, sendo titular em muitas partidas e já colecionando atuações na seleção inglesa.

03 – Ousmane Dembélé (15/05/1997)

OusmaneDembele

Nascido em 15 de maio de 1997, Ousmane Dembélé é um jogador francês que ganhou destaque jogando pelo Rennes, da França. Foi contratado pelo Borussia Dortmund e explodiu no time aurinegro. Ambidestro, Dembélé é um driblado nato, capaz de enfileirar marcadores como poucos no futebol mundial. Evoluiu muito como um grande assistente e construtor de jogadas. É visto como um dos possíveis postulantes ao título de futuro melhor jogador do mundo.

02 – Gabriel Jesus (03/04/1997)

GabrielJesusCity

Nascido em 3 de abril de 1997, Gabriel Jesus foi apontado como a maior promessa do Palmeiras. O “menino Jesus” quebrou recordes de gols nas competições de base pelo Palmeiras e gerou muita expectativa para sua subida ao profissional. Assumiu a titularidade rapidamente no time palmeirense e logo se tornou o principal jogador do time. Foi campeão olímpico em 2016 e depois recebeu convocação para a seleção brasileira principal. Na sua estreia, como titular e centroavante marcou logo dois gols. Em 6 jogos pela seleção principal tem 5 gols e 4 assistências. Foi contratado pelo Manchester City e teve desempenho meteórico também em seu início no futebol inglês. Chegou a barrar o Aguero em alguns jogos e atuou ao lado do argentino em outros. É titular absoluto do da Seleção Brasileira.

01 – Kylian Mbappé (20/12/1998)

KylianMbappe

Nascido em 20 de dezembro de 1998, Kylian Mbappé despontou como um dos grandes jogadores do Mônaco, na temporada. Tornou-se o jogador mais jovem a marcar 5 gols na história do mata-mata da UEFA Champions League e foi eleito a grande revelação em todos os campeonatos que disputou. Com uma capacidade de finalização totalmente fora do comum, velocidade, poder de drible e inteligência muito acima da média, se tornou o desejo maior de todos os gigantes europeus. É apontado como a maior joia do futebol mundial ao lado de Gabriel Jesus, Dembélé e Rashford.

Top X – Os 15 Melhores Jogadores do Mundo (2017/1)

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Analisar um jogador pelo que ele fez durante um ano inteiro é bem complicado. Durante uma temporada ele pode viver altos e baixos, o que é absolutamente normal para qualquer atleta. Contudo, é também inviável analisar somente pelo que ele fez na última semana, já que certa regularidade é preciso para comprovar seu nível de atuação. Ainda assim, não podemos ignorar completamente a carreira do jogador e tudo que já o vimos construir. Optamos, então, por montar a lista baseado principalmente no desempenho semestral dos jogadores, sem ignorar a carreira que o mesmo já possui. Após a lista dos melhores jogadores do mundo no segundo semestre de 2015 e a lista dos melhores jogadores do mundo no primeiro e do segundo semestre de 2016, atualizamos nossa seleção. Sem mais delongas segue a lista com os melhores jogadores do mundo no primeiro semestre de 2017!

15 – Harry Kane

Tottenham Hotspur v Middlesbrough - Premier League

Harry Kane vem subindo de nível de forma assustadora. Artilheiro isolado da Premier League 2016-17 com a expressiva marca de 29 gols, o atacante foi o principal jogador do Tottenham, vice-campeão inglês. Kane alia força, mobilidade, ótimo posicionamento e uma incrível capacidade de finalização, o que faz dele um atacante completo e pronto para continuar sua ascendência rumo ao posto dos melhores do mundo.

14 – Sérgio Ramos

sergio-ramos

Sérgio Ramos é o zagueiro mais decisivo do mundo, isso é inegável. Embora seja um cara que jogue sujo, em muitas vezes, não há como negar sua importância para o Real Madrid e sua imposição como um dos atletas mais vencedores do mundo. Líder e mortal, o zagueiro espanhol nega maiores apresentações. Décimo quarto lugar para ele.

13 – Eden Hazard

EdenHazard

Hazard foi, juntamente com Kanté, os dois nomes maiores de um Chelsea campeão. Liderando o campeonato de ponta a ponta, o time de Antonio Conte teve no belga seu principal construtor de jogadas e segundo maior artilheiro com 15 gols. Hazard voltou a atuar em seu melhor nível e isto, por si só, já o credencia a um dos melhores jogadores do mundo.

12 – Zlatan Ibrahimovic

zlatan-united

Após terminar a temporada passada mais uma vez de forma brilhante, Zlatan Ibrahimovic foi para o Manchester United. O sueco, após se tornar o maior artilheiro da história do PSG e ser o artilheiro do time no Campeonato Francês, foi bem em sua jornada na terra da Rainha, sendo o principal jogador de um Manchester United que, embora tenha ficado na sexta posição da Premier League, conseguiu dois títulos na temporada (Europa League e Copa da Liga Inglesa). Ibra, com 35 anos, sofreu um pouco mais com lesões na temporada. Também é claro que ele vive ligeiro declínio técnico, mas, ainda assim, consegue se impor e ser um dos melhores jogadores do mundo. O “cara que só faz golaço” segue firme como um dos maiores da atualidade no futebol.

11 – Toni Kroos

ToniKroos

Toni Kroos e Luka Modric formam, junto com Casemiro uma trinca de meio campo absolutamente perfeita. O coração do Real Madrid, um time capaz de fazer gols por absurdos 65 jogos consecutivos, merece um destaque especial. Kroos marca, arma, carrega a bola, faz lançamentos, cadencia, dribla e finaliza, todos esses quesitos num nível de excelência. Reunindo todas as qualidades de um meia completo, o melhor jogador alemão em atividade fica com a décima primeira posição.

10 – Luka Modric

LukaModric

Luka Modric vive o auge da carreira. O croata faz, com Toni Kroos e Casemiro, um meio de campo perfeito. Não é só porque o Real Madrid tem Cristiano Ronaldo que o time faz gols por espantosos 65 jogos consecutivos, mas também por ter em seus meias uma qualidade incomparável de jogo. Nisso, Modric se destaca como um meio campista completo, com incrível capacidade de organizar o jogo, conduzir a bola, passar, marcar, chutar, driblar, cadenciar, lançar. Tudo no mais refinado grau técnico. O croata merece um Top 10.

09 – Andrés Iniesta

Andres-Iniesta

“Andrés Iniesta é gênio. Ele é diferente quando pega na bola.”. Muitos jogadores que enfrentaram o meia do Barcelona já disseram coisas semelhantes sobre ele. De fato, a carreira e tudo que já o vimos fazer já o credencia a estar entre os melhores. Visão de jogo incomparável, controle de bola muito acima do comum, passes e dribles precisos por si só, fazem de Iniesta um dos maiores da atualidade. Apesar de viver ligeiro declínio técnico devido o avançar da idade (33 anos), Iniesta ainda é muito diferenciado e poucos conseguem ser melhores do que ele.

08 – Philipe Coutinho

coutinho

Phillipe Coutinho segue sua ascensão na carreira de forma meteórica! Desde que chegou ao Liverpool, o brasileiro foi melhorando cada vez mais seu futebol. Dono de um dos chutes mais precisos de longas distâncias, além de veloz, driblador e com boa visão de jogo, o astro do Liverpool se tornou um meia-atacante completo. Notabilizou-se por seus golaços “ao melhor estilo Coutinho”, com carregadas de bola da meia esquerda para o centro e disparos certeiros de longas distâncias. Mais do que astro no Liverpool, o crescimento de Coutinho o tornou nessa temporada um pilar na Seleção Brasileira e um dos destaques da Premier League 2016-17. Oitavo lugar para o brasileiro!

07 – Pierre Emerick Aubameyang

Pierre-Emerick-Aubameyang

Aubameyang é o principal jogador do Borussia Dortmund já há três temporadas. Extremamente veloz, inteligente e decisivo, o gabonês se tornou unanimidade como um astro da Bundesliga e do futebol mundial! Com bom poder de finalização tanto com os pés como com a cabeça, bom posicionamento e ótima movimentação, atuando muito bem também longe do gol, Auba é um dos nomes mais importantes do futebol mundial na atualidade. Foi artilheiro da Bundesliga com uma expressiva marca de 31 gols. Segue como o sétimo melhor jogador do mundo.

06 – Robert Lewandowski

robert_lewandowski_original

Robert Lewandowski terminou a temporada de 2016 com números avassaladores! O atacante polonês marcou 56 gols, divididos em atuações pelo Bayern de Munique e pela seleção polonesa. Lewandowski foi vice artilheiro da Bundesliga 2016-17 com 30 gols e o principal jogador do Bayern de Munique no quinto título consecutivo do clube. Consolidado como principal jogador do Bayern de Munique, o polonês segue firme para buscar voos ainda maiores. Sexto lugar para o artilheiro polaco.

05 – Antoine Griezmann

Deportivo Alaves v Club Atletico de Madrid - La Liga

Diego Simeone chegou a afirmar que se Griezmann continuasse no Atlético de Madrid e mantivesse a curva ascendente que demonstrava, estaria em pouco tempo brigando de igual para igual com Messi e Cristiano Ronaldo. As previsões de El Cholo se confirmaram e o atacante francês foi o principal eleito o craque do Campeonato Espanhol 2015-16. Na UEFA Euro 2016 foi eleito o melhor jogador do torneio, sendo também artilheiro e principal nome do vice-campeonato da seleção francesa. Estabelecido como um astro do futebol mundial, o francês ficou em terceiro lugar na disputa pela Bola de Ouro e também entre os três melhores do ano pela FIFA. Oscilou depois, com uma queda de rendimento na segunda metade de 2016, mas retomou boa fase nesse semestre e foi o principal jogador de um Atlético de Madrid que mais uma vez foi semifinalista europeu. Segue intocável como principal jogador francês da atualidade e um dos melhores do mundo.

04 – Luís Suárez

Luís-Suárez

Luís Alberto Suárez Díaz, chamado de “El Pistoleiro” ou também de “Luisito” é o principal jogador uruguaio da atualidade, sendo o maior artilheiro da Celeste Olímpica de todos os tempos. Suárez, após ser brilhante na última temporada, onde foi um expoente tão grande quanto o próprio Messi no tridente do Barcelona, continuou com números excelentes nessa última temporada. Foi vice artilheiro do Campeonato Espanhol, com 28 gols, além de contribuir como um importante assistente do time. Pensou em gol, pensou em Luís Suárez. Segue como um dos mais notáveis jogadores do mundo!

03 – Neymar Júnior

neymar-brasil-argentina-2016

Depois de viver uma temporada 2014-15 mágica, Neymar oscilou bastante tanto pelo Barcelona como pela Seleção Brasileira. Contudo, o astro do Brasil voltou a subir de nível e teve em março o seu melhor mês, sendo naquele mês o melhor jogador do mundo. Oscilou um pouquinho, mas suas atuações já o credenciaram a voltar ao pódio. Veremos como continuará a carreira do brasileiro.

02 – Lionel Messi

lionel-messi-sevilla-barcelona-laliga-06112016_1d1wu95d62alx1ai4xwymyrxoj

Lionel Messi teve uma temporada com número individuais avassaladores. Foi artilheiro de La Liga 2016-17 com incríveis 37 gols, a maior quantidade entre todas as ligas europeias. Sua capacidade de enxergar o jogo coletivo, criar jogadas improváveis, driblar, destruir defesas, fazer arrancadas espetaculares e finalizar com eficiência inigualável o tornam um jogador inigualável. Contudo, nessa temporada, apesar do brilho individual e dos números assombrosos, o gênio argentino não conseguiu ser decisivo nos momentos mais agudos, exatamente o oposto de seu rival, Cristiano Ronaldo. Conquistou a Copa do Rei, com atuação brilhante na final, mas foi pouco. Principalmente comparado ao que Cristiano fez. Segundo lugar para La Pulga.

01 – Cristiano Ronaldo

Cristiano-Ronaldo

“A Máquina de Fazer Gols”, é assim que muitos se referem a Cristiano Ronaldo. CR7 é considerado para muitos o maior atleta da atualidade, e se pensarmos em atributos físicos, eles estão totalmente certos. Cristiano Ronaldo detém grande porte físico, alia força, velocidade, impulsão, posicionamento e finalizações num conjunto quase perfeito. Exímio atleta e destruidor de recordes, o português vinha de temporada com números discretos, principalmente quando comparados aos que ele tivera nos anos anteriores. Porém nos momentos decisivos, CR7 assombrou o mundo! Cristiano fez absurdos 10 gols nos últimos 5 jogos da Champions League, marcando 5 gols contra o Bayern, um triplete contra o rival Atlético de Madrid e dois na final, contra a Juventus. Credenciais mais que suficientes, juntamente com os títulos de campeão espanhol e europeu para lhe garantir o posto de melhor jogador do mundo. Quem poderá superar a máquina?

X – Menção honrosa

Quero deixar uma menção honrosa a dois jogadores que foram eleitos os melhores de suas respectivas ligas e merecem uma citação: N’Golo Kanté, do Chelsea e Edinson Cavani, do Paris Saint-Germain.

Top X – Os 15 Melhores Jogadores do Mundo (2016/2)

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Analisar um jogador pelo que ele fez durante um ano inteiro é bem complicado. Durante uma temporada ele pode viver altos e baixos, o que é absolutamente normal para qualquer atleta. Contudo, é também inviável analisar somente pelo que ele fez na última semana, já que certa regularidade é preciso para comprovar seu nível de atuação. Ainda assim, não podemos ignorar completamente a carreira do jogador e tudo que já o vimos construir. Optamos, então, por montar a lista baseado principalmente no desempenho semestral dos jogadores, sem ignorar a carreira que o mesmo já possui. Após a lista dos melhores jogadores do mundo no segundo semestre de 2015 (colocar link) e a lista dos melhores jogadores do mundo no primeiro semestre de 2016 (colocar link), atualizamos nossa seleção. Sem mais delongas segue a lista com os melhores jogadores do mundo no segundo semestre de 2016!

15 – Edinson Cavani

cavani-psg

Após a saída de Zlatan Ibrahimovic do PSG, na metade desse ano, Edinson Cavani desandou a fazer gols pelo Paris Saint-Germain. Artilheiro máximo da atual temporada do Campeonato Francês, com uma média incrível de 18 gols em 16 jogos na competição. Também marcou 6 vezes, em 6 jogos, na UEFA Champions League e detém a posto de artilheiros das Eliminatórias sul-americanas para o Copa do Mundo FIFA 2018. Com atuações e números tão bons, o uruguaio merece o lugar entre os 15 melhores jogadores do semestre!

14 – Diego Costa

diegocosta

Diego Costa voltou a ser o mesmo jogador que foi na histórica temporada do título nacional do Atlético de Madrid, em 2013-14. Chamado por alguns de trator, tanque, ou até rolo compressor, or seu estilo de jogo, Diego vem fazendo campanha brilhante, com o técnico Antonio Conte, na Premier League, se tornando o principal jogador do Chelsea e artilheiro do campeonato com 14 gols, além de ter dado outras 5 assistências. Soma-se a esses números também as atuações sempre importantes, segurando a bola no ataque, fazendo movimentações, preparando jogadas decisivas e rompendo as defesas com sua grande força física e explosão muscular. Além disso, fez 3 gols em 3 jogos pela Seleção Espanhola, nas Eliminatórias europeias. Feitos tais que destacam Diego Costa a essa posição no ranking!

13 – Zlatan Ibrahimovic

zlatan-united

Após terminar a temporada passada mais uma vez de forma brilhante, Zlatan Ibrahimovic foi para o Manchester United. O sueco, após se tornar o maior artilheiro da história do PSG e ser o artilheiro do time no Campeonato Francês, começou muito bem sua jornada na Premier League, sendo atualmente o vice-artilheiro da competição. Ibra, com 35 anos, vive ligeiro declínio técnico e, ainda assim, consegue se impor e ser um dos melhores jogadores do mundo. O “cara que só faz golaço” segue firme como um dos maiores da atualidade no futebol.

12 – Manuel Neuer

manuel-neuer

Manuel Neuer é o melhor goleiro da atualidade. O alemão não somente é capaz de realizar defesas espetaculares, como ainda reformou a posição ao fazer, em diversos momentos da partida, jogadas de líbero. Seguro, decisivo e quase intransponível, a muralha alemã fica com a décima segunda posição.

11 – Arturo Vidal

UEFA Champions League - "FC Bayern Munich v Arsenal"

Arturo Vidal foi um monstro no primeiro semestre de 2016. O chileno assumiu a condição de titular absoluto e tomou conta do meio de campo do Bayern de Munique. Implacável na marcação, estupendo na leitura de jogo, posicionamento e capacidade de ocupação de espaço, além de fortíssimo com suas chegadas sempre incisivas dentro da área, Vidal demonstrou por diversas vezes estar sempre no lugar certo na hora certa, seja qual for o lugar do campo. Principal jogador e líder da seleção chilena na conquista da Copa América Centenário e nas Eliminatórias sul-americanas, Vidal fez ótimo ano. Caiu um pouco, como o time do Bayern inteiro com a chegada de Carlo Ancelotti e essa fase de transição que o time passa. Ainda assim, tem tudo para crescer ainda mais com o entrosamento da equipe melhorando.

10 – Andrés Iniesta

Andres-Iniesta

“Andrés Iniesta é gênio. Ele é diferente quando pega na bola.” Muitos jogadores que enfrentaram o meia do Barcelona já disseram coisas semelhantes sobre ele. De fato, a carreira e tudo que já o vimos fazer já o credencia a estar entre os melhores. Visão de jogo incomparável, controle de bola muito acima do comum, passes e dribles precisos por si só, fazem de Iniesta um dos maiores da atualidade. Apesar de viver ligeiro declínio técnico devido o avançar da idade (32 anos), Iniesta ainda é muito diferenciado e poucos conseguem ser melhores do que ele.

09 – Philipe Coutinho

coutinho

Phillipe Coutinho segue sua ascensão na carreira de for meteórica! Desde que chegou ao Liverpool, o brasileiro foi melhorando cada vez mais seu futebol. Dono de um dos chutes mais preciso de longas distâncias, além de veloz, driblador e com boa visão de jogo, o astro do Liverpool se tornou um meia-atacante completo. Notabilizou-se por seus golaços “ao melhor estilo Coutinho”, com carregadas de bola da meia esquerda para o centro e disparos certeiros de longas distâncias. Mais do que astro no Liverpool, o crescimento de Coutinho o tornou nessa temporada um pilar na Seleção Brasileira e o melhor jogador do primeiro semestre da Premier League 2016-17. Nono lugar para o brasileiro!

08 – Robert Lewandowski

robert_lewandowski_original

Robert Lewandowski terminou a última temporada com números avassaladores! O atacante polonês marcou 56 gols, divididos em atuações pelo Bayern de Munique e pela seleção polonesa. Lewandowski foi artilheiro da Bundesliga 2015-16 com 30 gols e o principal jogador do Bayern de Munique na temporada. Foi até as quartas de final da Euro 2016 coma a seleção polonesa, fazendo boa campanha. Lewandowski se consolidou como o principal jogador do Bayern de Munique na última temporada e nesse semestre se manteve como tal. Oitavo lugar para o artilheiro polonês.

07 – Pierre Emerick Aubameyang

Pierre-Emerick-Aubameyang

Aubameyang é o principal jogador do Borussia Dortmund já há duas temporadas. Extremamente veloz, inteligente e decisivo, o gabonês se consolidou como um astro da Bundesliga e do futebol mundial! Com bom poder de finalização tanto com os pés como com a cabeça, bom posicionamento e ótima movimentação, atuando muito bem também longe do gol, Auba é um dos nomes mais importante do futebol mundial na atualidade. Sua estrondosa média de gols na atual temporada da Bundesliga, 16 gols em 15 jogos, aliada as qualidades já apresentadas o credencia a sétimo melhor jogador do mundo.

06 – Antoine Griezmann

antoine-griezmann-atletico-madrid

Diego Simeone chegou a afirmar que se Griezmann continuasse no Atlético de Madrid e mantivesse a curva ascendente que demonstrava, estaria em pouco tempo brigando de igual para igual com Messi e Cristiano Ronaldo. As previsões de El Cholo se tornaram verdade na última temporada, onde o atacante francês foi gigantesco. Griezmann foi o principal nome do Atlético de Madrid na temporada e eleito o craque do último Campeonato Espanhol. Na UEFA Euro 2016 foi eleito o melhor jogador do torneio, sendo também artilheiro e principal nome do vice-campeonato da seleção francesa. Estabelecido como um astro do futebol mundial, o francês ficou em terceiro lugar na disputa pela Bola de Ouro e também entre os três melhores do ano pela FIFA. Caiu de rendimento na segunda metade desse semestre, mais precisamente nos últimos três meses, o que o coloca nessa posição, mas tem futebol para retornar ao Top 5 no próximo semestre.

05 – Neymar Júnior

neymar-brasil-argentina-2016

Depois de viver uma temporada 2014-15 mágica, Neymar oscilou bastante tanto pelo Barcelona como pela Seleção Brasileira. Contudo, o astro do Brasil vem conseguindo manter uma regularidade muito boa nessa temporada. Após iniciar o semestre liderando a Seleção Olímpica do Brasil na conquista do primeiro ouro olímpico da história do país, o jogador do Barcelona vive momento estável no Barcelona, com números de gols baixo no Campeonato Espanhol, mas com atuações muito mais maduras, coletivamente falando. Com 50 gols pela seleção brasileira, já é o quinto maior artilheiro com apenas 23 anos de idade. Em quinto lugar, Neymar tem tudo para voltar a ser Top 3 do futebol mundial, até mesmo o primeiro em alguns anos. Veremos como continuará a carreira do brasileiro.

04 – Gareth Bale

Gareth-Bale

Após voltar em grande estilo no fim da última temporada e ser decisivo nas arrancadas do Real Madrid rumo ao vice campeonato de La Liga e do décimo primeiro títula da UEFA Champions League, Gareth Bale continuou como um dos maiores jogadores do mundo. É um astro de vital importância no esquema de jogo de Zidane e tem papel fundamental na temporada de números avassaladores do time merengue. Sempre vale lembrar que Gareth Bale fez história com sua seleção, levando País de Gales a primeira semifinal de Eurocopa, na primeira participação da história do país na fase final da competição. Praticamente completo, Bale alia força, velocidade, chutes precisos, cabeceios e posicionamentos nos mais altos índices, o que faz dele o quarto melhor jogador do mundo.

03 – Luís Suárez

Luís-Suárez

Luís Alberto Suárez Díaz, chamado de “El Pistoleiro” ou também de “Luisito” é o principal jogador uruguaio da atualidade, sendo o maior artilheiro da Celeste Olímpica de todos os tempos. Suárez, após ser brilhante na última temporada, onde foi um expoente tão grande quanto o próprio Messi no tridente do Barcelona, continuou com números avassaladores nesse semestre. Atual artilheiro do Campeonato Espanhol, ao lado de Messi, e importante assistente do time. Luisito também liderou sua seleção nas eliminatórias, ajudando a Celeste Olímpica a estar na vice-liderança do torneio. Pensou em gol, pensou em Luís Suárez. Continua assim nesse semestre.

02 – Cristiano Ronaldo

Cristiano-Ronaldo

“A Máquina de Fazer Gols”, é assim que muitos se referem a Cristiano Ronaldo. CR7 é considerado para muitos o maior atleta da atualidade, e se pensarmos em atributos físicos, eles estão totalmente certos. Cristiano Ronaldo detém grande porte físico, alia força, velocidade, impulsão, posicionamento e finalizações num conjunto quase perfeito. Exímio atleta e destruidor de recordes, o português atingiu na última temporada os recordes de maior artilheiro da história do Real Madrid e o de maior artilheiro de uma edição de fase de grupos da Liga dos Campões, liderando a equipe rumo ao décimo primeiro título. Também foi eleito melhor jogador do Mundial de Clubes 2016 e ganhou sua quarta Bola do Ouro. Liderou Portugal de forma sublime à conquista da UEFA Euro 2016, a primeira da história do país. São números, títulos, características que fazem de CR7 uma lenda, um jogador no mesmo patamar de Messi, e faz dele o maior jogador português de todos os tempos.

01 – Lionel Messi

lionel-messi-sevilla-barcelona-laliga-06112016_1d1wu95d62alx1ai4xwymyrxoj

Lionel Andrés Messi é simplesmente o principal jogador do mundo na atualidade. Não somente isso, “La Pulga”, como também é conhecido, vem destruindo recordes atrás de recordes, desde que se profissionalizou. Menos completo no que se diz a aptidões físicas se comparado a seu maior rival, Cristiano Ronaldo, Messi compensa com sobras no talento e na genialidade. A capacidade de enxergar o jogo coletivo, criar jogadas improváveis, driblar, destruir defesas, fazer arrancadas espetaculares e finalizar com eficiência inigualável fazem do gênio argentino o melhor jogador do mundo. Após conquistar na última temporada o Campeonato Espanhol e a Copa do Rei pelo Barcelona e ser o melhor jogador disparado da Copa América Centenário, Messi se tornou o maior artilheiro da história da seleção argentina, ultrapassando Gabriel Batistuta. Soma atualmente 57 gols. Não há jogador de futebol no mundo com a capacidade de chamar o jogo pra si e colocá-lo “debaixo do braço” com tamanha eficiência quanto o gênio argentino.

Cavadinha – Messi e Neymar, os Super Saiyajins!

Que este blog sempre falou sobre futebol e sobre animes/mangás não é nenhuma novidade. Contudo, esta é a primeira vez que estes universos, muitas vezes distantes, mostram-se tão unidos através de dois ícones do esporte mundial: Lionel Messi e Neymar Júnior.

Após perder a final da Copa América Centenário e anunciar a aposentadoria da Seleção Argentina, Messi se apresentou para a temporada 2016-17 com um novo visual: loiro! Tão logo, Neymar apareceu com o mesmo visual e muitas pessoas começaram com as brincadeiras. Ambos, entre os melhores jogadores do mundo e mais famosos rostos do planeta, estariam admitindo uma evolução? Será que agora estava finalmente explicado porque eles era capazes de fazer coisas tão incríveis? Estaria explicado o motivo de tantas pessoas chamarem Lionel Messi de extraterrestre? Seriam eles Saiyajins?  Ou melhor, agora Super Saiyajins?

Tão logo a primeira foto do novo visual de Messi vazou, surgiram boatos e montagens. À esquerda desenho feito pelo Esporte Interativo brincando com o visual do craque argentino.

Ok, sabemos que é uma brincadeira, mas o mais legal é que em meio a tantas montagens e brincadeiras dos fãs, os próprios jogadores entraram na festa! Após a massacrante vitória do Barcelona por 7 x 0 frente ao Celtic, pela estreia na UEFA Champions League 2016-17, Neymar postou uma foto no seu Instagram com Messi, na legenda: “FUSÃO 👉🏻🔥👈🏽 RÁ #Saiyajin”.

neymar-messi-fusao-ssj

Em seu Instagram oficial, Neymar posta foto com Messi e alusão a Fusão e a #Saiyajin

Uma óbvia referência a Dragon Ball, mas também uma mensagem para mostrar o tamanho da união entre ele e Messi, uma fusão que deu e dá ótimos frutos para o time catalão.

O fato é que se antes já haviam montagens e zueiras sobre os Super Saiyajins do Barcelona, agora é que não param de surgir novas e excelentes brincadeira. A do Esporte Interativo, lançada pouco depois da postagem de Neymar, foi uma dentre as tantas que surgiram.

neymar-messi-ei

Esporte Interativo, sem perder tempo, já lançou outra montagem hilária dos craque do Barcelona.

O mais legal nessa história toda é ver que mesmo pessoas como Messi e Neymar, mundialmente famosos, são gente como a gente. Tiveram infâncias que compartilharam coisas conosco e ainda guardam boas lembranças. Sem contar também com a boa e velha zueira, a brincadeira e a leveza que nunca deve faltar nas nossas vidas!

Seja como for, as defesas adversárias que se preparem, pois agora os Super Saiyajins do Barcelona virão com tudo!

Nota: Se quiser acessar as postagens originais no Instagram, basta clicar aqui para ver a do Neymar e aqui para a do Esporte Interativo.

 

Cavadinha – A Premier League voltou!

A Premier League, ou Campeonato Inglês de Futebol, principal liga de clubes do mundo, está de volta! Como se já não fosse o suficiente para prender a atenção do mundo inteiro, a edição desse ano vem com temperos especiais já que pela primeira vez tem um Leicester defendendo o título, soma-se a isso a contratação de Pep Guardiola, debutante na liga pelo Manchester City e nome mais badalado entre todos os treinadores do mundo. Já ficou bom? Tem mais: José Mourinho no United e a velha rivalidade “Mourinho vs Guardiola” na cidade de Manchester, o sempre carismático e surpreendente Jürgen Klopp agora com um tempo maior de casa e com grandes expectativas para o Liverpool, o sempre ótimo Antonio Conte assumindo o Chelsea e o experiente e imprescindível Arsene Wenger no Arsenal.

premierleague

Ufa! Motivos já suficiente para tornar essa edição especial certo? Sim, porém há muito mais! O Tottenham vem forte novamente, manteve o time e agora mais experiente pode chegar de novo. O Manchester United destruiu na janela de transferência e trouxe três nomes de muito peso: Henrikh Mkhitaryan (eleito melhor jogador da última Bundesliga) , Zlatan Ibrahimovic (esse dispensa comentários) e Paul Pogba (contratação mais cara da história do futebol). O Manchester City trouxe Gundogan e Nolito para o meio-campo e apostou em jovens muito promissores como Gabriel Jesus e Leroy Sané, com Guardiola eles tendem a explodir. O Liverpool também foi ao mercado e com o acréscimo de Sadio Mané e Giorgino Wijnaldum tende a se tornar muito forte. Arsenal e Chelsea, com Granit Xhaka e N’Golo Kanté, além de outras contratações também melhoraram o meio de campo e o time como um todo. Soma-se tudo isso aos outros times que, com o dinheiro da Premier League, sempre veem em alto nível de competição, podemos certamente esperar o Campeonato Inglês mais disputado, badalado e carismático dos últimos anos.

A BBC sabe muito bem do tamanho desta Premier League e para aproveitar o embalo fez um vídeo-montagem hilário com alguns dos principais personagens dessa edição. Confiram neste link.

 

Cavadinha – O negócio do século

A Juventus acaba de anunciar Gonzalo Higuaín pela exorbitante quantia de € 90 milhões, o que equivale a aproximadamente R$ 322,5 milhões! Um valor descomunal, sem dúvidas!

pipita

Juventus recepcionou “Pipita” em suas redes sociais.

Higuaín fez uma temporada 2015-16 brilhante no Napoli, terminando como artilheiro máximo da Série A com a quantia recorde de 36 gols, em 35 partidas disputadas. Pela seleção argentina fez 4 gols na campanha do vice-campeonato da Copa América Centenário. Credenciais que justificam o preço pago, certo? Claro que não!

Nascido em 10 de dezembro de 1987, Higuaín já é um jogador que se aproxima da casa dos 30 anos, o que indica que a Juventus não conseguirá nenhum valor que possamos pensar em se aproximar do valor investido nele numa eventual venda futura. Só por aí já temos um argumento crucial contra esse investimento. Passamos agora a analisar o lado técnico: Higuaín joga mesmo tudo isso?

Gonzalo-Higuain

Higuaín fez temporada excelente no Napoli.

Com a venda, o atacante argentino se tornou o terceiro futebolista mais caro da história do futebol, atrás de Gareth Bale (€ 100 milhões) e Cristiano Ronaldo (€ 94 milhões). Até aí normal, Higuaín é obviamente inferior a esses dois jogadores. Porém, o absurdo começa quando vemos os nomes a seguir na lista: Neymar (€ 88 milhões), Luís Suárez (€ 82 milhões), além de Zinedine Zidane, Ángel Di María, James Rodríguez e Kevin De Bruyne (todos por € 75 milhões). Todos esses jogadores são muito melhores e mais jovens que “Pipita” no momento em que foram comprados.

Como se não bastasse, Higuaín ainda ganhou uma grande fama de pipoqueiro na Argentina, visto que perdeu gols feitos nas últimas três finais que a Seleção disputou (final da Copa do Mundo FIFA 2014, final da Copa América 2015 e final da Copa América Centenário), contribuindo para o tri vice-campeonato dos “hermanos” nessas competições.

higuain-argentina

Pela seleção argentina, Higuaín coleciona fracassos.

Apesar da ótima temporada no Napoli, “Pipita” nunca foi unanimidade em nenhum time que passou. Tornou-se artilheiro absoluto no Napoli, mas nunca chegou perto de ser uma estrela mundial, capaz de figurar em listas dos melhores do ano da FIFA, sequer entre os 23. Quanto menos em lista espalhadas pela internet. O sucesso de uma ótima temporada o elevou a um status que nunca foi comprovado que ele poderia manter. Veremos o que o futuro nos dirá.

O que fica muito claro nessa contratação é uma estratégia de dominação clara da Juventus, enfraquecendo seus rivais locais para reinar soberana na Itália. Um modelo de gestão semelhante ao do Bayern de Munique na Alemanha. Contudo, ainda que seja esportivamente um recurso, fica claro que, neste caso, o Napoli fez o negócio do século!

Top X – Os 15 Melhores Jogadores do Mundo (2016/1)

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Analisar um jogador pelo que ele fez durante um ano inteiro é bem complicado. Durante uma temporada ele pode viver altos e baixos, o que é absolutamente normal para qualquer atleta. Contudo, é também inviável analisar somente pelo que ele fez na última semana, já que certa regularidade é preciso para comprovar seu nível de atuação. Ainda assim, não podemos ignorar completamente a carreira do jogador e tudo que já o vimos construir. Optamos, então, por montar a lista baseado principalmente no desempenho semestral dos jogadores, sem ignorar a carreira que o mesmo já possui. Após a lista dos 15 melhores jogadores do mundo no segundo semestre de 2015 e com o fim da UEFA Euro 2016 e da temporada europeia, atualizamos nossa seleção. Sem mais delongas segue a lista com os melhores jogadores do mundo no primeiro semestre de 2016!

15 – Phillip Lahm

philipp-lahm

Em declínio técnico por já ter 32 anos, Phillip Lahm ainda deve ser destacado como um dos melhores do mundo. Melhor lateral do planeta há quase 10 anos, o capitão do Bayern de Munique é um jogador que pouco aparece nos números e, até mesmo, no jogo. Lateral de origem, o alemão joga também como volante. Discreto, mas praticamente perfeito, Lahm desenvolve o jogo, distribui passes, abre as linhas de marcação com trocas de passes, infiltrações e lançamentos precisos. Também é excelente na marcação. Certa vez, Pep Guardiola disse que Philip Lahm era o jogador mais inteligente com o qual ele já havia trabalhado.

14 – Diego Godín

Diego-Godin

Diego Godín continua sendo o principal zagueiro do Atlético de Madrid e da Seleção Uruguaia há alguns anos. Mais do que isso, sustenta o posto de melhor zagueiro do mundo há quase meia década. Seguro, sério, firme e extremamente regular, o zagueiro uruguaio lidera a melhor defesa do mundo na atualidade, a do Atlético de Madrid. Diferente de outros zagueiros que podem até ser tecnicamente melhores, como Mats Hummels, Sérgio Ramos, Giorgio Chiellini e Thiago Silva, mas que sempre dão aquelas entregadas, Godín raramente falha. Além disso, é um dos zagueiros mais mortais e decisivos na bola parada da atualidade. O gol do título do Campeonato Espanhol 2013/2014, da final da Champions League 2013/2014 e da classificação do Uruguai para as oitavas de final da Copa do Mundo FIFA 2014, são alguns exemplos de como o zagueiro é decisivo. Já fez três gols nas eliminatórias para a Copa do Mundo FIFA 2018 e é o artilheiro da Celeste Olímpica no torneio.

13 – Zlatan Ibrahimovic

Zlatan Ibrahimovic celebrates scoring for Paris Saint Germain against St Etienne.

Zlatan Ibrahimovic dispensa comentários. O sueco se tornou o maior artilheiro da história do PSG e foi o artilheiro do time no Campeonato Francês, destacando-se como principal jogador ao lado de Ángel Di María. Conduziu a seleção sueca à fase final da Euro 2016, embora não tenha levado a seleção adiante da fase de grupos. Ibra, com 34 anos, vive ligeiro declínio técnico e, ainda assim, consegue se impor e ser um dos melhores jogadores do mundo. O “cara que só faz golaço” segue firme como um dos maiores da atualidade no futebol.

12 – Manuel Neuer

manuel-neuer

Manuel Neuer é o melhor goleiro da atualidade. O alemão não somente é capaz de realizar defesas espetaculares, como ainda revolucionou a posição ao fazer em diversos momentos da partida, jogadas de líbero. Seguro, decisivo e quase intransponível, a muralha alemã fica com a décima segunda posição.

11 – Ángel Di María

dimaria

Ángel Di Maria foi o principal jogador do Paris Saint-Germain na temporada, ao lado de Ibrahimovic. Líder de assistências do campeonato francês e autor de jogadas e gols maravilhosos durante a temporada, o argentino reafirmou-se como um dos principais jogadores do mundo e o segundo melhor jogador argentino da atualidade. Rápido, técnico, driblador, passador, decisivo e muito consciente dentro do campo, conquistou com méritos o posto de décimo primeiro melhor jogador do mundo.

10 – Andrés Iniesta

Andres-Iniesta

“Andrés Iniesta é gênio. Ele é diferente quando pega na bola.” Muitos jogadores que enfrentaram o meia do Barcelona já disseram coisas semelhantes sobre ele. De fato, a carreira e tudo que já o vimos fazer já o credencia a estar entre os melhores. Visão de jogo incomparável, controle de bola muito acima do comum, passes e dribles precisos por si só, fazem de Iniesta um dos maiores da atualidade. Infelizmente, perdeu seu protagonismo com a explosão do tridente do Barcelona. Também vive ligeiro declínio técnico devido o avançar da idade (32 anos). Mesmo assim, Andrés Iniesta ainda é muito diferenciado e poucos conseguem ser melhores do que ele.

09 – Arturo Vidal

UEFA Champions League - "FC Bayern Munich v Arsenal"

Arturo Vidal foi um monstro nesse segundo semestre. Após um primeiro semestre de readaptação no Bayern de Munique, o chileno assumiu a condição de titular absoluto e tomou conta do meio de campo time bávaro. Implacável na marcação, estupendo na leitura de jogo, posicionamento e capacidade de ocupação de espaço, além de fortíssimo com suas chegadas sempre incisivas dentro da área, Vidal demonstrou por diversas vezes estar sempre no lugar certo na hora certa, seja qual for o lugar do campo. Sua exímia disposição foi determinante para que ele pudesse fazer gols importantíssimos na caminhada do time alemão até as semifinais da UEFA Champions League. Também foi enorme na Bundesliga, sendo peça importante na conquista do tetracampeonato alemão. Principal jogador e líder da seleção chilena na conquista da Copa América Centenário, Vidal demonstrou porque merece estar tão alto na lista dos melhores jogadores do mundo.

08 – Pierre Emerick Aubameyang

Pierre-Emerick-Aubameyang

Aubameyang foi o principal jogador do Borussia Dortmund e do primeiro semestre da Bundesliga. Sofreu com algumas lesões nesse semestre, mas ainda assim demonstrou ser decisivo e incisivo como sempre. Terminou o campeonato como vice-artilheiro da competição com 25 gols, totalizando 36 gols durante toda a temporada, entre Europa League, Bundesliga e Copa da Alemanha. Velocista, ótimo finalizador tanto com os pés quanto com a cabeça, além de jogar muito bem fora da grande área, Auba se provou um expoente do campeonato alemão e um dos principais atacantes do mundo na atualidade.

07 – Robert Lewandowski

robert_lewandowski_original

Robert Lewandowski foi gigantesco nessa temporada. O atacante polonês marcou 56 gols, divididos em atuações pelo Bayern de Munique e pela seleção polonesa. Lewandowski foi artilheiro da Bundesliga 2015-16 com 30 gols e o principal jogador do Bayern de Munique na temporada. Após ser decisivo e levar a Polônia à fase final da Euro 2016, foi discreto na competição, marcando somente um gol.  Contudo sua seleção foi bem na competição, chegando as quartas de final e sendo eliminada somente nos pênaltis para Portugal, futuro campeão. Lewandowski foi o principal jogador do Bayern de Munique nesse semestre e em toda a temporada e foi também um dos melhores, se não o melhor, de todo o futebol alemão. Sétimo lugar para o artilheiro polonês.

06 – Neymar Júnior

Neymar

Neymar viveu o melhor momento da carreira no segundo semestre de 2015. Àquela altura, viveu momentos em que intitulá-lo de melhor jogador do mundo não era exagero. Desde então, viveu um aparente declínio técnico, não figurando no Top 5, ainda que continue indubitavelmente como um dos melhores do mundo. Foi artilheiro da Champions League 2014-15 com 10 gols (ao lado de Messi e Ronaldo), sempre marcando em jogos decisivos. Na última edição, 2015-16, teve desempenho muito inferior. Também oscilou bastante durante o campeonato espanhol e viu Messi e Suárez comandarem o Barcelona rumo a conquista do campeonato espanhol e da Copa do Rei. Marcou na final desta, tendo boa atuação. Com 46 gols pela seleção brasileira, já é o quinto maior artilheiro com apenas 23 anos de idade. Na última eleição da FIFA à Bola de Ouro conseguiu ser finalista ao lado de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo. Aparece em sexto, pelo segundo semestre abaixo do esperado e pela ascensão de outros rivais. Porém, tem tudo para chegar ao topo, basta ter foco e dedicação.

05 – Gareth Bale

Gareth-Bale

Gareth Bale sofreu com lesões na última temporada e por isso esteve em baixa. Muitos questionaram se o galês valeu mesmo o investimento feito por ele. A temporada foi passando e Bale se recuperou, e mais do que isso, voltou em grande estilo. Assumiu papel de protagonista do Real Madrid ao lado de Cristiano Ronaldo e teve papel gigantesco na incrível arrancada do time merengue no final da temporada, que culminou com um antes distante segundo lugar no campeonato espanhol e um memorável título da UEFA Champions League, o décimo primeiro da história do clube. Mais do que com seu clube, Gareth Bale fez história com sua seleção, levando País de Gales a primeira semifinal de Eurocopa, na primeira participação da história do país na fase final da competição. O astro do Real Madrid foi enorme e merece o quinto lugar na lista.

04 – Antoine Griezmann

antoine-griezmann-atletico-madrid

Diego Simeone chegou a afirmar que se Griezmann continuasse no Atlético de Madrid e mantesse a curva ascendente que demonstrava, estaria em pouco tempo brigando de igual para igual com Messi e Cristiano Ronaldo. As previsões de El Cholo parecem cada vez mais próximas de serem confirmadas, afinal o atacante francês foi gigantesco nessa temporada, e ainda mais nesse semestre. Griezmann foi o principal nome do Atlético de Madrid na excelente campanha do vice-campeonato da UEFA Champions League, sendo fundamental para que os Colchoneros eliminassem o Barcelona e o Bayern de Munique, antes favoritos. Na UEFA Euro 2016 foi eleito o melhor jogador do torneio, sendo também artilheiro e principal nome do vice-campeonato da seleção francesa. Estabelecido como um astro do futebol mundial, o francês tem tudo pra continuar crescendo e alçar voos ainda maiores.

03 – Luís Suárez

Luís-Suárez

Luís Alberto Suárez Díaz, chamado de “El Pistoleiro” ou também de “Luisito” é o principal jogador uruguaio da atualidade, sendo o maior artilheiro da Celeste Olímpica de todos os tempos. Suárez foi nesse semestre um expoente tão grande quanto o próprio Messi no tridente do Barcelona. Foi importantíssimo no título da Copa do Rei e do Campeonato Espanhol do Barcelona na temporada 2015-16. Suárez teve a incrível marca de 40 gols no Campeonato Espanhol, terminado como artilheiro máximo. Além de artilheiro, Luís Suárez foi líder de assistências do torneio com 16, ao lado de Messi, e fez seis hat-tricks durante o campeonato. Também liderou sua seleção nas eliminatórias, levando a Celeste Olímpica à liderança do torneio. Pensou em gol, pensou em Luís Suárez. Assim foi nesse semestre.

02 – Cristiano Ronaldo

Cristiano-Ronaldo

“A Máquina de Fazer Gols”, é assim que muitos se referem a Cristiano Ronaldo. CR7 é considerado para muitos o maior atleta da atualidade, e se pensarmos em atributos físicos, eles estão totalmente certos. Cristiano Ronaldo detém grande porte físico, alia força, velocidade, impulsão, posicionamento e finalizações num conjunto quase perfeito. Exímio atleta e destruidor de recordes, o português atingiu nessa temporada os recordes de maior artilheiro da história do Real Madrid e o de maior artilheiro de uma edição de fase de grupos da Liga dos Campões. Fez 16 gols na UEFA Champions League 2015-16, sendo artilheiro máximo da competição, e liderou o Real Madrid à conquista do décimo primeiro título. No campeonato espanhol, CR7 fez 35 gols e foi vice-artilheiro da competição. Liderou Portugal de forma sublime à conquista da UEFA Euro 2016, a primeira da história do país. Credenciais que o colocam num patamar igual ao de Messi, no semestre, e o eleva a maior jogador português de todos os tempos.

01 – Lionel Messi

Lionel-Messi

Lionel Andrés Messi é simplesmente o principal jogador do melhor time da atualidade. Não somente isso, “La Pulga”, como também é conhecido, vem destruindo recordes atrás de recordes, desde que se profissionalizou. Menos completo no que se diz a aptidões físicas se comparado a seu maior rival, Cristiano Ronaldo, Messi compensa com sobras no talento e na genialidade. A capacidade de enxergar o jogo coletivo, criar jogadas improváveis, driblar, destruir defesas, fazer arrancadas espetaculares e finalizar com eficiência inigualável fazem do gênio argentino o melhor jogador do mundo. Esse semestre, Messi conquistou o campeonato espanhol e a Copa do Rei pelo Barcelona e foi o melhor jogador disparado da Copa América Centenário, terminando com o vice-campeonato após derrota nos pênaltis para o Chile. Messi também se tornou o maior artilheiro da história da seleção argentina, ultrapassando Gabriel Batistuta, com 55 gols. Em La Liga, fez 26 gols e foi líder de assistências com 16, ao lado de Suárez. Apesar de ter perdido a final da Copa América, foi o melhor jogador e, mesmo que tenha se aposentado (ou não) da seleção argentina, continua sendo o melhor jogador do mundo, pois ninguém consegue chamar o jogo pra si e colocá-lo “debaixo do braço” com tamanha eficiência quanto o gênio argentino.

Top X – Os 10 Melhores Goleiros do Mundo

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

Elaborar uma lista com os melhores goleiros do mundo não é uma tarefa fácil. Esta é a posição mais perversa do futebol, afinal o goleiro pode fazer grandes defesas durante uma partida, salvando o seu time várias vezes, no entanto basta uma falha para tudo se desmoronar. Além disso, no futebol atual, diversas outras características são importantes como a reposição da bola e a saída do gol, tornando a posição muito mais complexa de ser analisada.

Tendo em visto tudo isso, elaboramos uma lista tentando levar em conta principalmente a segurança que o goleiro passa para seu time e sua regularidade, mas também analisamos sua qualidade técnica, elasticidade, posicionamento, quantidade de defesas difíceis, saídas do gol, aproveitamento nos pênaltis, qualidade com os pés, reposição de bola e poder de decisão em grandes jogos. Enfim, segue a nossa lista com os 10 melhores goleiros do mundo em 2015/2016.

10 – Hugo Lloris

lloris-france-2016

Goleiro titular da seleção francesa e do Tottenham Hotspurs, Hugo Lloris é um dos mais regulares e seguros do mundo. É um goleiro técnico, com ótimo posicionamento e boa saída de bola. Tranquilo e experiente, transporta uma grande confiança para seu time.

9 – Jan Oblak

ATLETICO 15/16 ATHLETIC 15/16

Titular no gol do Atlético de Madrid, o jovem goleiro Jan Oblak, de apenas 23 anos, vem se destacando como um dos mais promissores do mundo em sua posição. Seguro e tranquilo, o esloveno é uma das chaves da quase intransponível defesa Colchonera. Oblak se destaca pelo ótimo posicionamento, boas saídas do gol e grande regularidade. Tem tudo para evoluir ainda mais e brigar pelo posto de melhor goleiro do mundo dentro de alguns anos.

8 – Petr Cech

petrcech2016

Ídolo do Chelsea e, atualmente, protetor da meta do Arsenal, Petr Cech ainda é um dos principais do mundo em sua posição. O experiente goleiro da República Tcheca se destaca por sua grande capacidade de decidir jogos grandes com suas grandes defesas, além de ser muito regular, mostrar ótimo posicionamento e qualidade tanto na reposição de bola. Sétimo lugar para ele.

7 – Diego Alves

DiegoAlves2016

Principal goleiro brasileiro em atividade, Diego Alves se destaca como um dos melhores goleiros do futebol espanhol. Recordista de defesa de pênaltis na Liga BBVA, Diego Alves é também o arqueiro que mais defendeu pênaltis dos dois melhores jogadores do mundo – Messi e Cristiano Ronaldo – um feito notável. Além dos pênaltis, Diego também é capaz de fazer grandes defesas, tem boa regularidade, bom posicionamento e qualidade com os pés, transportando muita segurança para seu time.

6 – Thibaut Courtois

courtois2016

Campeão Espanhol pelo Atlético de Madrid e campeão Inglês pelo Chelsea, Thibaut Courtois se tornou um dos principais nomes da posição no mundo. Alto, ágil e de grande elasticidade, o jovem goleiro da seleção belga é capaz de realizar grandes defesas, sendo decisivo em muitas partidas. Além disso, Courtois também tem ótimo posicionamento, boa saída do gol e boa reposição de bola.

5 – Gianluigi Buffon

buffon2016

Gianluigi Buffon se tornou uma lenda na história da Juventus e da Seleção Italiana. Campeão do mundo e recordista de jogos pela Azzurra, além de multicampeão pelos Bianconeri. Mesmo aos 38 anos de idade, Buffon ainda é um dos principais goleiros do mundo e se destaque como um líder nato, seguro, regular e de extrema competência debaixo das traves. Tem ótimo posicionamento, excelente técnica e amplo poder de decisão.

4 – Joe Hart

England v Switzerland - UEFA Euro 2016 Qualifying Group E

Titular absoluto da Seleção Inglesa e do gol do Manchester City, Joe Hart se destaca pela grande elasticidade e capacidade de realizar defesas difíceis. Também é um grande pegador de pênaltis e um goleiro de muita técnica. Alia grande técnica e poder de decisão, transpondo segurança e confiança para seu time. Um dos melhores do mundo em sua posição.

3 – Keylor Navas

keylor-navas-2016

Keylor Navas se destacou para o mundo após fazer uma brilhante Copa do Mundo em 2014, no Brasil. Logo após foi para o Real Madrid e em 2015, com a saída de Iker Casillas, assumiu a titularidade no gol merengue. Alia grande agilidade e elasticidade, ótimo posicionamento e grande qualidade técnica, com isso realiza uma grande quantidade de defesas difíceis. Também tem ótimas saídas do gol, bom aproveitamento nos pênaltis e grande poder de decisão. Suas saídas do gol e de reposição de bola também são muito boas. Terceiro lugar para ele.

2 – David De Gea

DaviddeGea2016

David De Gea se tornou titular absoluto e um dos principais jogadores do Manchester United e de todo o futebol inglês. Assumiu o posto de Casillas no gol da Seleção Espanhola e caminha a passos largos para ser o principal goleiro do mundo, Extremamente regular, alia ótima qualidade técnica e decide vários jogos com defesas espetaculares. Também tem um posicionamento muito bom, ótimas saídas do gol, boa qualidade com os pés e na reposição de bola. Está muito próximo de ser o melhor goleiro do mundo.

1 – Manuel Neuer

manuel-neuer

Manuel Neuer, a muralha alemã, multicampeão com o Bayer de Munique, e campeão da Copa do Mundo em 2014, no Brasil. O alemão não somente é capaz de realizar defesas espetaculares, como ainda revolucionou a posição ao fazer em diversos momentos da partida, jogadas de líbero. Seguro, decisivo e quase intransponível, tem posicionamento quase perfeito, é um excelente pegador de pênaltis e tem a melhor reposição de bola e habilidade com os pés entre todos da sua posição. Não por acaso, Neuer segue soberano como o número 1 em sua posição no mundo.

Abre o Jogo – Davi, Wendell Lira e o Leicester City

A maior surpresa do momento no futebol mundial é o Leicester City Football Club. De quase rebaixado na última temporada e principal candidato ao rebaixamento na atual, o Leicester é líder isolado da badalada Premier League e, a cada rodada, a equipe se aproxima cada vez mais do título inglês e da entrada definitiva para a história. Mas afinal, qual é o tamanho do feito dos “Foxes”?

Leicester-Okazaki-Vardy-Mahrez

Shinji Okazaki, Jamie Vardy e Riyad Mahrez: o trio de ataque do Leicester.

O Leicester é um time pequeno da Inglaterra, mais um dos tantos que tem como realidade a alternância entre a primeira e segunda divisão ao longo da história. Um número que ilustra bem isso é o tempo do time na segunda divisão nos últimos anos. Para ser mais preciso o Leicester passou 10 anos na segunda divisão, entre as temporadas de 2003-04 e 2013-14. Sagrou-se campeão da Championship em 2013-14 e retornou a Premier League desde então. No ano seguinte uma arrancada histórica nas últimas rodadas e a fuga do rebaixamento praticamente certeiro. Começou a temporada 2015-16 como o mais desacredito time da primeira divisão. Contudo, um milagre aconteceu, ou melhor, acontece diante de nossos olhos.

A história do Leicester lembra outra que ocorreu também este ano: a história de Wendell Lira. Quando Wendell foi indicado ao prêmio Puskas de gol mais bonito do ano, pouquíssimos acreditaram que ele poderia chegar à final. Ele chegou, e mais do que isso, venceu a disputa contra ninguém menos que o “gigantesco” Lionel Messi, melhor jogador de futebol do mundo. O rapaz que chegou a ficar desempregado, vendendo salgados junto da própria mãe, ganhava o prêmio de gol mais bonito do ano jogando pelo Goianésia, no Campeonato Goiano. História daquelas que só o futebol pode proporcionar.

wendell-lira-premio-puskas

Wendell Lira discursa após receber o Prêmio Puskas.

Ao receber o prêmio, Wendell discursou da seguinte maneira: “Queria, primeiramente, agradecer a Deus por este momento único na minha vida. Poder estar aqui conhecendo grandes jogadores que são meus ídolos, que eu conhecia só de videogame e hoje estou aqui conhecendo pessoalmente. Queria agradecer muito à minha família, à nação brasileira que votou em mim, à minha esposa e minha filha, que são tudo para mim. Minha filha Marcela está em casa esta hora. Queria deixar uma passagem bíblica. Quando Golias apareceu, todo mundo olhava para ele e falava: ‘ele é muito forte. Ele é muito grande, não tem como ganhar dele’. E Davi, quando olhou para Golias, disse: ‘ele é muito grande, não tem como errar’. E assim temos de lidar com nossos problemas diários na nossa vida. Assim, agradeço a todos. Muito obrigado.”.

O brilhante discurso de Wendell Lira ilustra sua própria jornada, nos faz lembrar de outras histórias e sintetiza muito do que acontece com o Leicester. Afinal, quem imaginaria que o pequenino time azul poderia vencer os gigantes e endinheirados clubes do Campeonato Inglês? Quem imaginaria um roteiro tão épico quanto esse que escreve o Leicester na história do futebol? Não é pra menos que a história dos “Foxes” é chamada de “conto de fadas”. Poderia ser também um épico bíblico, digno de um Davi e Golias.

claudio-ranieri-leicester-city

Claudio Ranieri é o comandante do Leicester. Curioso é que o técnico colecionava fracassos e ressurgiu com o milagre dos “Foxes”.

O fato é que o feito do Leicester é a epopeia do futebol atual e uma das incríveis histórias que o esporte pode tornar realidade. Mais do que isso, torna-se juntamente com a história de Wendell Lira, e também a história de Davi e Golias, um exemplo admirável para a vida. Para nós, pessoas buscando sonhos e enfrentando problemas diários, uma lição de vida para aprendermos a não desistir jamais de lutar e confiar sempre na vitória, não importando o tamanho da dificuldade enfrentada.

Aqueles que, excetuando torcedores do Tottenham e do Arsenal, torcem contra o Leicester, pensem melhor. A vitória do pequeno time inglês será um épico que jamais se perderá, que será gravado para sempre na memória das pessoas e, sobretudo, mostrará mais uma incrível história de superação e de certeza que sonhos podem se tornar realidade, basta acreditar e lutar por eles. Que vença o Leicester pelo bem do futebol, do esporte, dos nossos sonhos e da vida.

Top X – Os 5 Melhores Técnicos do Mundo

Esta é a seção Top X, onde elaboramos um Top que pode ser sobre os mais diversos assuntos. A letra X no título é propositalmente uma incógnita, pois poderemos fazer um Top com qualquer valor.

O que é preciso para ser um bom treinador? Podemos pensar em conhecimento tático, criatividade e inovação em modelos de jogo, saber garimpar no mercado as melhores peças, utilizar bem as categorias de base e os jovens jogadores, ter o grupo na mão, conseguir tirar o melhor de cada jogador, administrar o elenco, fazer o time jogar coletivamente ou montar um sistema de jogo que favoreça ao craque decidir as partidas. São algumas das características que bons treinadores devem possuir, mas encontra-las juntas em um único técnico é praticamente impossível. Cada um tem seu estilo e, independentemente de qual seja, cada um pode funcionar de sua maneira. Diante de tudo isso, montar uma lista com os melhores técnicos do mundo é algo muito difícil, por isso montamos nossa lista pensando em tudo isso já citado, sem esquecer o currículo de cada um e o quão notável já foram seus feitos. Enfim, segue a nossa lista com os 5 melhores treinadores da atualidade.

5 – Luis Enrique

luis-enrique

Luis Enrique chegou ao Barcelona após bons trabalhos na Roma e no Celta de Vigo, ainda que não tivesse nenhum título como treinador até então. Com um passado vitorioso como jogador do Barcelona, o técnico tinha o maior desafio de sua carreira: reconduzir o Barcelona ao topo do mundo. E ele conseguiu. Em sua primeira temporada conquistou o triplete (venceu a Copa do Rei, o Campeonato Espanhol e a UEFA Champions League), feito até então alcançado apenas por Pep Guardiola. Já na atual temporada conquistou a Supercopa da UEFA e o Mundial de Clubes da FIFA, lidera a Liga BBVA e está nas oitavas da Champions League. Caminha a passos largos para repetir o triplete e quebrar cada vez mais recordes. Alguns podem questionar sua capacidade como treinador, visto que ele tem algumas das melhores peças possíveis para a montagem de seu time, e com tais peças as coisas fluem mais facilmente. De fato, mas usando uma explicação já clichê (e totalmente coerente!) no mundo futebolístico: não são grandes estrelas que formam um supertime, e sim um excelente time que forma grandes estrelas. Luis Enrique conseguiu isso no Barcelona, e o desempenho e os números de sua equipe já são superiores aos do histórico Barça de Pep Guardiola.

4 – Carlo Ancelotti

carlo-ancelotti

Carlo Ancelotti é um dos técnicos mais prestigiados da atualidade. Três vezes campeão da UEFA Champions League, campeão da Premier League, campeão da Ligue 1, bi campeão Mundial de Clubes da FIFA, além de diversos outros troféus, fazem dele um dos treinadores mais vitoriosos do mundo. É ídolo da torcida do Milan com duas conquistas de Champions League, além de conquistar La Décima para o Real Madrid, o que o deixou na história dos maiores vencedores da principal competição de clubes do mundo. Ancelotti é praticamente completo: alia grande conhecimento tático, criatividade e inovação em modelos de jogo, tem o grupo na mão e sabe como administrar o elenco, consegue tirar o melhor de cada jogador, fazer o time jogar coletivamente e desenhar o jogo de forma que favoreça ao craque decidir as partidas. Deu um nó tático inesquecível em Pep Guardiola, quando o Real Madrid venceu o Bayern de Munique por 4 x 0 em plena Allianz Arena, na semifinal da Champions League de 2014. Por sua incrível carreira e pelos feitos grandiosos, Ancelotti é o quarto colocado.

3 – Jurgen Klopp

jurgen-klopp

Jurgen Klopp é idolatrado pela torcida do Borussia Dotmund, não por menos, e o segundo técnico mais vitorioso da história do clube. Mas o mais curioso é que Klopp já é amado também pela torcida do Liverpool. Estranho, não? Afinal ele só tem meia temporada de clube, e ainda não conquistou nada. Em termos técnicos, Klopp é inegavelmente um dos melhores do mundo, mas ele tem algo a mais, algo que poucos possuem (pelo menos não no nível dele): carisma. Klopp é contagiante, seu estilo, sua personalidade e sua sinceridade são capazes de fazer um grupo de jogadores e uma torcida inteira apoiarem seus ideais e conquistarem resultados muito além de suas expectativas. Foi assim no Borussia Dortmund, tem tudo para ser assim no Liverpool. Como se já não fosse o suficiente, Klopp é inovador, consegue tirar o máximo de cada jogador, sabe usar as categorias de base, sabe garimpar muito bem as peças no mercado, administra magistralmente seu elenco e tem o respeito de todos. Ver os times do alemão em campo é sempre um grande atrativo. O “Normal-One” fica em terceiro lugar da lista.

2 – Josep Guardiola

Pep Guardiola, Bayern Munich manager

Pep Guardiola é, sem dúvidas, o técnico mais badalado do mundo. Visto por muito como um gênio entre os gênios, o espanhol marcou época com o Barcelona e uma revolução no conceito de jogo no futebol. Não distante disso, foi multicampão no clube catalão, com a incrível marca de 14 títulos em cinco anos. Chamado por alguns de Einstein do futebol, Guardiola notabilizou-se por transformar muitos conceitos da coletividade do esporte, como o jogo de posições e as funções de cada jogador. Com isso, quebrou vários paradigmas e, indiretamente, formou a base do conceito de jogo usado pelas duas últimas seleções campeãs mundiais. Guardiola é completo, sua inventividade, seu conhecimento técnico e tático, sua capacidade de tirar o máximo de cada jogador, sua forma de administrar os elencos e, principalmente, de ter o respeito de todos o credenciam como o principal técnico do mundo. Ainda assim, falta algo para que Guardiola seja indiscutivelmente o melhor: trabalhar com um menor orçamento e conseguir manter o desempenho. Até hoje ele treinou atletas no auge de suas carreiras e clubes financeiramente milionários, capazes de buscarem as melhores peças disponíveis. Seria interessante ver até onde ele iria ao trabalhar num patamar de clube diferente. Será que ele conseguiria o mesmo desempenho? Fica a pergunta.

1 – Diego Simeone

Diego Simeone Atletico Madrid

Diego Simeone é técnico do Atlético de Madrid desde 2011, e faz até então um trabalho praticamente irretocável. Mesmo com um orçamento inferior, Simeone fez do Atlético um time de mesmo nível dos gigantes europeus. Barcelona, Real Madrid, Bayern de Munique, Juventus, Chelsea, Paris Saint-Germain, nenhum deles está acima do Atlético de Madrid. O feito de Simeone é enorme, seu time joga num nível de competitividade absurdo! O entrosamento, a garra, a coletividade, a defesa praticamente intransponível são reflexos da personalidade e do espírito do técnico argentino. A alma de Simeone está no jogo de seu time de uma forma tão enraizada que contagia a todos. Isso o faz ainda mais ídolo da torcida! Como se já não fosse o bastante, Simeone ainda é taticamente irretocável, sabe garimpar no mercado as melhores peças, utiliza bem as categorias de base e os jovens jogadores, tem o grupo na mão com a maior plenitude do futebol mundial e consegue tirar o máximo de cada jogador, administra o elenco e faz o seu time jogar de uma forma tão ideológica, que parece estarmos vendo 11 Simeones em campo. Simplesmente fantástico!